Rússia continuará operação militar especial na Ucrânia até que todas metas sejam cumpridas, diz ministro da Defesa

Zimbábue sedia cúpula para discutir gerenciamento de elefantes e conservação da vida selvagem
FMI alerta sobre mais riscos negativos para economia global

Rússia continuará operação militar especial na Ucrânia até que todas metas sejam cumpridas, diz ministro da Defesa

Veículos transportando militares das forças armadas ucranianas saem de Mariupol, no dia 20 de maio de 2022. (Foto por Victor/Xinhua)

Moscou (Xinhua) — A Rússia continuará sua operação militar especial na Ucrânia, apesar das sanções e do aumento da assistência ocidental a Kiev, disse o ministro da Defesa russo, Sergei Shoigu, na terça-feira.

“Continuaremos a operação militar especial até que todos os objetivos sejam alcançados, apesar da assistência ocidental em larga escala a Kiev e da pressão das sanções sobre a Rússia”, informou a mídia local, citando Shoigu durante uma reunião do Conselho de Ministros da Defesa da Organização do Tratado de Segurança Coletiva.

Shoigu acrescentou que a Rússia estava diminuindo intencionalmente sua ofensiva na Ucrânia “para evitar baixas civis”.

“Regimes de silêncio estão sendo introduzidos e corredores humanitários estão sendo criados para a evacuação de civis de assentamentos próximos”, disse ele.

A Rússia iniciou sua operação militar especial na Ucrânia no dia 24 de fevereiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *