Previsão de crescimento econômico do Brasil em 2022 sobe para 0,65%

Angola tem receita de US$ 10 bilhões com exportação de petróleo bruto no primeiro trimestre
Enfoque: Xi pede esforços para construir sistema de infraestrutura moderno

Previsão de crescimento econômico do Brasil em 2022 sobe para 0,65%

Foto; Marcello Casal Jr/Agência Brasil

Brasília (Xinhua) — O mercado financeiro do Brasil elevou a previsão de crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) de 0,56 para 0,65%, enquanto que para 2023 passou de 1,12 para 1%, de acordo com a pesquisa Focus realizada pelo Banco Central entre as principais instituições financeiras do país e divulgada nesta terça-feira.

A previsão do índice de inflação este ano passou de 7,46 para 7,65% e para 2023, de 3,91 para 4%,

A meta oficial para este ano é de uma inflação de 3,50% e de 3,25% para 2023, em ambos os casos com uma tolerância de 1,5 ponto percentual.

Esta foi a primeira vez em três semanas que o Banco Central divulgou o boletim Focus, que costuma ser publicado nas segundas-feiras e serve como referência para diversas operações do mercado financeiro e decisões de política econômica.

A publicação foi adiada devido a uma greve dos técnicos do Banco Central, que foi suspensa agora até 2 de maio.

Segundo o boletim Focus, os analistas elevaram sua expectativa para a taxa básica de juros Selic no final deste ano de 13 para 13,25% e, para 2023, a mantiveram em 9% anual.

A previsão para a taxa de câmbio, atualmente em 4,93 reais por dólar é de 5 reais por dólar tanto para o fim deste ano como do próximo.

Para o saldo da balança comercial (resultado do total de exportações menos importações), a estimativa está em US$ 69,75 bilhões para 2022 e em US$ 60 bilhões para o próximo ano.

A previsão para a entrada de investimentos estrangeiros diretos no Brasil é de US$ 59 bilhões para 2022 e de US$ 67,3 bilhões para 2023.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *