Explorador de Marte da China desloca-se 450 metros no planeta vermelho

Inflação medida pelo IGP-10 cai para 0,18% em julho, diz FGV
China está confiante de que cumprirá meta de inflação ao consumidor de 2021

Explorador de Marte da China desloca-se 450 metros no planeta vermelho

Imagem mostra a tampa traseira e o pára-quedas do pousador. (CNSA/distribuição via Xinhua)

Beijing, 15 jul – O explorador chinês de Marte Zhurong já percorreu 450 metros na superfície do planeta vermelho, anunciou o Centro de Exploração Lunar e Programa Espacial da Administração Espacial Nacional da China nesta quinta-feira.

Desde que pousou na superfície de Marte, o explorador tem viajado para o sul, a fim de realizar atividades de exploração e inspeção.

A câmera de terreno de navegação do explorador tira fotos do panorama marciano todos os dias. Mais recentemente, ela capturou imagens mostrando a tampa traseira e o pára-quedas do pousador a uma distância de 30 metros.

Até quinta-feira, Zhurong operou na superfície do planeta por 60 dias marcianos. Um dia marciano é aproximadamente 40 minutos mais longo que na Terra.

A espaçonave chinesa Tianwen-1, composta por um orbitador, um pousador e um explorador, foi lançada em 23 de julho de 2020. O pousador, que transportou o explorador, aterrissou na parte sul da Utopia Planitia, uma vasta planície no hemisfério norte de Marte, em 15 de maio.

O orbitador da Tianwen-1 opera na órbita há 357 dias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *