Brasil anuncia tratativas para escritório da Embratur em Dubai

Câmara pode votar nesta quarta-feira projeto que altera tributação de caminhoneiros autônomos
Xi Jinping realiza videoconferência com Biden

Brasil anuncia tratativas para escritório da Embratur em Dubai

Foto: Roberto Castro/MTur

O Brasil deverá ter um escritório da Agência Brasileira de Promoção Internacional do Turismo (Embratur) em Dubai. O anúncio foi feito pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, durante o Invest in Brasil Forum, na cidade dos Emirados Árabes Unidos (EAU). O ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, e o presidente da Embratur, Carlos Brito, responsáveis pelas tratativas para a instalação da representação da entidade, estavam presentes no evento.

O presidente Jair Bolsonaro destacou o potencial do Brasil para o turismo. “Temos áreas e belezas que, com todo o respeito, são inigualáveis. Tanto é que, por meio do ministro Gilson Machado, vamos abrir um escritório de turismo aqui em Dubai”, disse. “Nós queremos que os senhores conheçam o Brasil de fato, e uma viagem pela Amazônia é algo fantástico”, concluiu.

O ministro Gilson Machado Neto explicou que o interesse dos árabes pelo Brasil é crescente e frisou que essa parceira entre os países tem um futuro muito promissor. “Os Emirados Árabes Unidos são um grande mercado, e temos certeza de que iremos levar muitos turistas para conhecer o Brasil e sua natureza exuberante, além da nossa cultura e da hospitalidade do nosso povo”, declarou.

Em sua palestra no fórum, Machado Neto apontou as ações que o governo federal tem adotado para estruturar o setor de turismo no Brasil, como obras, restaurações, concessões e campanhas de divulgação. “Nosso país tem todas as condições de ser protagonista do turismo mundial e atrair visitantes de todas as partes do planeta, como os emiratis. Nada se compara ao nosso país”, disse.

O diretor do Grupo Al Rais, Mohamed Jassim Al Rais, ressaltou a importância de o Brasil ter representatividade nos EAU. “O Brasil é um destino muito grande e tem muitas coisas para oferecer: mar, montanhas, florestas, comida. Mas não tem muitas pessoas de fora que conhecem isso”, comentou. “Ter um escritório vai fazer esses estrangeiros entenderem, conhecerem e promoverem mais o destino”, completou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *